segunda-feira, 17 de abril de 2017

Vamos falar sobre:13 Reasons Why


Elenco

Dylan Minnette 
Katherine Langford 
Christian Navarro 
Alisha Boe 
Brandon Flynn 
Justin Prentice 
Miles Heizer 
Ross Butler 
Devin Druid 
Amy Hargreaves 
Derek Luke 
Kate Walsh 



Sinopse

A série gira em torno de Clay Jensen, um estudante tímido do ensino médio, que encontra uma caixa na porta de sua casa. Ao abri-la, ele descobre que a caixa contém sete fitas cassete gravadas pela falecida Hannah Baker, sua colega que cometeu suicídio recentemente. Inicialmente, as fitas foram enviadas para um colega, com instruções para passá-las de um estudante para outro. Nas fitas, Hannah explica para treze pessoas como eles desempenharam um papel na sua morte, apresentando treze motivos que explicam porque ela se matou. Hannah deu uma cópia das fitas para Tony, um de seus colegas da escola, que avisa para as pessoas que, se elas não passarem as fitas, as cópias vazarão para todo mundo, o que poderia levar ao constrangimento público e vergonha de algumas pessoas, enquanto outros poderiam ser ridicularizados ou presos.





Fala gente!Como vocês estão?Espero que tenham começado a semana bem.
Hoje vamos tratar de um assunto delicado,mas que precisa ser discutido.Normalmente não comento sobre seriados aqui (apesar de amar várias e várias séries,quem sabe começo a postar mais sobre esse tema),mas precisava vir dividir o que achei da série 13 Reasons Why ou simplesmente Os 13 Porquês.
Ela é uma adaptação do livro de mesmo nome do autor Jay Asher que fez e faz um sucesso tremendo entre os leitores de várias faixas etárias.
Não vou falar sobre o livro porque tem resenha aqui,então vou falar sobre a adaptação mesmo.
O seriado é produzido pela Selena Gomez e cada episódio tem uma duração de 50 minutos a 1 hora aproximadamente e a temporada conta com 13 episódios.

Hannah Baker aqui é uma jovem com muita atitude,aquele tipo de garota badass que você acaba se apaixonando e quer ser amigo,alegre e divertida.Aos poucos vamos vendo essa alegria ruir.Cada atitude ou não atitude dos colegas de escola,família,acaba matando ela aos poucos até o triste final.
Katherine Langford teve uma atuação bem convincente como Hannah e acabou tendo um grande destaque.Preciso falar também da atuação do Christian Navarro como Tony,um personagem de extrema importância e que faz a ligação entre a Hannah do passado e o Clay.
Achei interessante os contrapontos entre passado e presente e as mexidas com as imagens.Quando Hannah está viva,temos uma imagem mais forte,mais clara,vibrante.Quando temos a imagem do presente,ela é mais fria,algumas vezes mórbida e tensa.

Achei muito que pelo fato de ter lido o livro,o seriado não ia me impressionar,nem nada assim,Como eu estava enganado.Ver ali na tela tudo o que fizeram com a nossa protagonista,o quanto ela vai sofrendo com isso,o quanto ela é diminuída,usada e traída....é simplesmente tenso e inacreditável.Não tem como ficar alheio a isso.
Esse foi o ponto alto do seriado.Se pararmos pra analisar,não foi uma super produção,nem nada assim,não tivemos muita ação e em alguns episódios a série é bem parada,mas o fato de nos mostrar o quanto Hannah foi quebrada,nos colocando no lugar dela e transmitir a mensagem final,já ganha o espectador.
E mesmo sabendo que ela se suicida,não estamos devidamente preparados para aquela cena!Achei que não sentiria,mas senti demais!Fiquei pensando:se desde o início o Clay tivesse se declarado,será que ela teria realmente se matado?.Talvez o Clay não tivesse conseguido impedir,talvez Hannah estivesse tão quebrada por dentro que ninguém fosse capaz de ajudá-la.Talvez mesmo com o Clay ela acabaria tendo o mesmo destino,só podemos pensar.
Não sei,mas talvez aí sirva de reflexão no quanto cada mínima atitude nossa pode ter um impacto gigantesco lá na frente
A lição passada é muito valiosa e merece ser multiplicada.

A série prima muito pela emoção e pelo lado psicológico,nos conduzindo através da mente de Hannah,nos fazendo sentir o que ela sentiu e nos questionar.Chega um momento em que ela está tão carente emocionalmente (e quando digo carente não falo de namoro,falo de amizades também),que ela acaba depositando esperança em pessoas que ela sabe que vão decepcioná-la.
Ouvi muitas pessoas falarem que os motivos dela não foram suficientes pra tirar a própria vida,que o colégio é assim mesmo,que se ela tivesse tomado outras atitudes ou falado com alguém antes nada daquilo teria acontecido.É muito fácil pensarmos assim,mas não estamos no lugar daquela pessoa.Cada um sente de uma forma diferente,cada um sabe o que lhe faz bem ou não,cada um sabe o peso que pode carregar,cada um reage de uma forma diferente.
O que pra mim,pra você pode parecer uma brincadeira inocente,pra outras pessoas pode ser um pesadelo diário que terá consequências na vida daquelas pessoas,às vezes consequências drásticas.
Não é nosso papel julgar,o que podemos fazer é mostrar que estamos ali prontos para ouvir e ajudar.A escola nem sempre é fácil,ainda mais o ensino médio,não é nosso dever complicar ainda mais.
Brincadeira só é brincadeira quando todas as partes levam aquilo numa boa.Se não gostarem de uma determinada brincadeira,apelido,falem e por favor,vamos ouvir e respeitar.Bullyng é sério e pode levar a tragédias irreparáveis.
Quantas Hannahs de repente passaram na nossa vida e nem sabemos?Nem sempre a pessoa estar com um sorriso significa que estamos felizes.Às vezes aquela pessoa carrega uma tristeza profunda,tem depressão e a gente nem sabe.Precisamos ficar atento aos sinais,não excluir,não ignorar e principalmente:ouvir.
Depressão não é besteira como muita gente diz.Depressão é algo sério e atinge uma parcela muito grande da população.Ignorar alguém com depressão,achando besteira ou simplesmente desmerecendo o que a pessoa está passando,só torna você um dos porquês.
Vamos ajudar,vamos ouvir,vamos respeitar e parar de julgar e parar pra pensar um pouco mais nas nossas atitudes ao longo do dia.Muitas vezes um simples bom dia vai fazer o dia do seu amigo mais feliz,mostra que você se importa.Mostrem mais que se importam com as pessoas ao seu redor,que elas tem valor no mundo,no seu mundo.
Vamos parar e refletir pra não nos tornar um dos porquês.
O seriado foi importante pra abrir nossas cabeças pra reflexão,mas não vamos deixar parar por aí.
Se conhecerem alguma pessoa que esteja sofrendo depressão,que esteja sofrendo bullyng,não virem as costas,ajudem,ajudem a pessoa a procurar ajuda.

Pra finalizar,vou compartilhar uma conversa que tive com uma amiga.Ela me perguntou se eu conhecia o desafio da baleia azul.Sinceramente não conhecia,mas fui pesquisar.Fiquei estarrecido com o que encontrei.Se trata de um jogo de suicídio,com tarefas completamente surreais e suicidas.E o pior:muitos jovens estão participando desse desafio louco!!!Fiquei discutindo com ela como as tem pessoas que se prestam a participar dessas coisas absurdas!
Gente pelo amor de Deus,esse tema é sério,não vamos romantizar ou achar que é uma brincadeira porque não é.Se vocês conhecerem alguém que esteja participando desse desafio louco,(ou de outros parecidos) sem noção,comuniquem alguém urgentemente,não vamos ignorar isso!!

Bom gente,me desculpem se fui um pouco duro nas palavras,se foi um tema muito forte,mas achei necessário falar sobre.Já passou da hora de abrirmos os olhos para a prevenção ao suicídio e ao bullyng e tratar esses temas com a seriedade que devem ser tratados.
Galerinha espero que a postagem tenha sido importante,que possa ter servido de alerta.
Contem nos comentários o que acharam da série,como se sentiram,se ela foi importante...
Ah antes de ir,preciso falar mais uma coisa.O blog de uma amiga minha desse mundo literário foi hackeado,ela perdeu todas as postagens e está começando outro blog.Quem puder,passe lá para dar uma conferida,seguir.As postagens da Aline são ótimas,tenho certeza que irão gostar muito!Vou deixar o link do blog dela no final.
E agora pra finalizar,vou deixar no final o link para dois vídeos falando sobre o seriado.Um deles é o da minha querida amiga Raffa Fustagno,do canal A Menina Que Comprava Livros e o outro é da Frini Georgakopoulos,do canal Sou Fã,e Agora  (melhor vídeo sobre 13 Reasons Why que vocês verão!)
É isso então gente,nos vemos na próxima postagem!
Grande abraço!



crédito das imagens
burn book
sg fans

Blog da Aline

Vídeo da Raffa

Vídeo da Frini

8 comentários:

  1. Eu não li o livro, mas não consegui resistir e vi a série antes de ler. Eu amei! De fato não te muita ação, há momentos parados, mas não é de ação que se trata a série. A ideia da história é problematizar, da um "beliscão" no público, causar empatia e consciência. POrém, se não houver um senso crítico por parte do telespectador pode também se tornar algo negativo, pois muitos entendem que a única saída é o suicídio, sendo que houve um episódio em que foi mostrado um segundo caminho.

    Adorei.
    Abraço
    Diego, Blog Vida & Letras
    www.blogvidaeletras.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hey Diego!
      Meu time foi perfeito,li o livro e pouco tempo depois a série estreou kkkkkkkkkk
      Realmente,a ação não é importante na história e sim a mensagem que ela nos traz,toda a reflexão.
      Realmente dependendo de quem vê,pode interpretar como algo negativo,mas isso é algo que pode acontecer com outros temas,outros seriados,outros filmes.....por isso que o debate consciente e correto é importante,pra que a mensagem não seja interpretada de forma negativa.
      Valeu!! :)
      Abraço!

      Excluir
  2. Oie Cláudio
    Li o livro mas não assisti a série.
    Perfeita sua resenha!
    Comentei no blog da Mi o quanto me assusta o tema. Sim o termo correto é mesmo assusta. Minha época de ensino médio foi normal, não sofri nem pratiquei bullying.
    O irmão de um grande amigo suicidou-se com 19 anos e até então para todos nós ele era alguém (aparentemente) feliz.
    Deixou um bilhete dizendo que não aguentava mais a tristeza e a única solução que via era acabar com tudo.
    O que me assusta é: estávamos todos tão ocupados com nossas próprias vidas que não vimos o que estava acontecendo?
    Poderia algum de nós ter mudado o que aconteceu?
    De qualquer maneira não só aconteceu o que aconteceu como a vida da família dele, dos amigos e de certa maneira de muitas pessoas também se transformou.
    Muitos diziam na época que era bobagem de adolescente. Mas que dor ele sentia para não ver outra saída?
    Como podemos julgar o outro sem estar no lugar dele?
    Porque não procurar entender?
    Acho siiiiim que a série promove uma discussão inteligente.
    Achei perfeito vc dizer que cada atitude (ou falta de ação) pode trazer resultados lá na frente.
    O que é um problemão para uns pode não ser nada para outros então não há medida cabível para o que pode transformar alguém vibrante em alguém com depressão. E depressão é doença que precisa ser tratado com muita atenção e cuidado.
    Nunca ouvi falar desse desafio da baleia azul, vou pesquisar.
    Enfim parabéns pela resenha excelente​!
    Bjs Luli
    https://cafecomleituranarede.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Luli!
      Menina vê a série.Achei que o livro já foi tipo um tapa na cara,mas ver tudo aquilo ser retratado no seriado simplesmente me abriu os olhos e me fez refletir bastante o quanto podemos ser responsáveis direta ou indiretamente pelas ações das pessoas.
      Fiquei até pensando:será que pratiquei bullying com alguém,mesmo que sem querer?
      Que isso!!19 anos só?Meus pêsames :(
      Infelizmente isso acontece mais do que a gente imagina,não conseguimos imaginar por que uma pessoa aparentemente feliz resolve tomar uma atitude tão drástica e fica exatamente o que você disse:será que estavam todos ocupados e não prestando atenção ao que acontecia?Alguém poderia ter feito algo pra mudar?
      São questionamentos que ficam pra serem refletidos e pra nos atentarmos mais ao sentimento das pessoas.
      É muito fácil falar que a pessoa não tinha motivos,mas só quem sente sabe realmente o quanto tudo está lhe afetando e o quanto está sofrendo com aquilo e o quanta dor e tristeza consegue carregar.O que pode ser simples pra mim,pra você,pra outra pessoas pode ser um problema sem solução.Não podemos julgar,devemos ajudar!
      Procura esse desafio,é algo surreal e completamente inimaginável!Me dá medo,sinceramente.
      Obrigado por gostar e por compartilhar a história aqui! :D
      Beijos!

      Excluir
  3. Oi Cláudio, tudo bem?
    Escreva mais sobre séries, você escreve muito, muito bem;
    Eu não li o livro e nem assisti a série ainda, mas vejo tantos comentários idiotas na internet que meu Deus, sabe aqueles comentários do tipo 'há depressão é frescura', 'depressão não pode ser considerada doença', eu fico boba com isso sabe?
    Eu já tive depressão, muitas pessoas da minha família também e isso é muito perigoso quando não tratado ou sem o apoio de ninguém, e essa série é ótima para abrir os olhos de quem pensa que não é nada importante, como você falou, os motivos para alguns podem ser mínimos, mas para a pessoa que tem depressão é algo forte e muito profundo.
    Eu vi sobre a baleia azul ontem e fiquei chocada, como pode ter gente que faz desafios assim? Fazer um desafio para os adolescentes (ou qualquer idade) se valorizar e ficar bem eles não fazem né? E se fazem ninguém divulga como estão divulgando o da baleia azul.
    Enfim, meu comentário ta enorme já, quero te parabenizar mais uma vez pelo post, eu amei, e merece que seja lido por muitas pessoas.
    E obrigada pelo apoio, é muito importante pra mim, no que precisar vou estar aqui.
    Beeeeijos!
    http://linegoettems.blogspot.com.br/
    Têm sorteio de um e-book lá no blog, participe!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Aline!Tudo joia querida e você?
      Vou pensar,juro que vou.Fiquei com um pouquinho de nervosismo por falar de séries pela primeira vez aqui,ainda mais uma com um tema forte e polêmico.
      O que mais tenho visto são comentários idiotas e o pior:de pessoas que são inteligentes e esclarecidas!Isso me choca profundamente.
      Depressão é serísismo e merece ser tratada com toda a seriedade do mundo.Sem ajuda,sem apoio,pode levar pessoas a cometerem atos impensáveis.
      Não é?Como alguém se propõe a participar de um desafio desses?É inaceitável ao extremo!Acho que isso serve ainda mais de alerta para os pais ficarem cada vez mais de olho e repensarem a criação dos seus filhos.
      Ahhhh fica à vontade,sabe que adoro suas visitas.
      Obrigado,foi difícil falar,mas achei necessário :D
      Imagina,sempre que precisar é só chamar!
      Beijos!

      Excluir
  4. Oie
    Eu iniciei a leitura e assisti a série, ela nos faz refletir muitas coisas.

    Beijinhos
    http://diariodeincentivoaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Nessa!
      Não é?Serve pra gente abrir os olhos e repensar muitas coisas!
      Beijos!

      Excluir